Mostrando postagens com marcador JUSCELINO KUBITSCHEK. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador JUSCELINO KUBITSCHEK. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2019

Almoço realizado na chácara do Sr. Mário de Almeida Franco

Almoço realizado na chácara do Sr. Mário de Almeida Franco
Almoço realizado na chácara do Sr. Mário de Almeida Franco, em homenagem a visita do presidente Getúlio Vargas a XVIII Exposição de Feira Agropecuária. Sentados da esq. para dir.: Carlos Smith (presidente da Sociedade Rural do Triângulo Mineiro), presidente Getúlio Vargas, governador de Minas Gerais Juscelino Kubitschek, Ministro da Justiça Negrão de Lima e o prefeito de Uberaba Antônio Próspero.

Ano: 1951

Foto: Autoria desconhecida


Fonte: Universidade de Uberaba (Uniube)


Cidade de Uberaba

domingo, 15 de janeiro de 2017

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MEDICINA DO TRIÂNGULO MINEIRO

Faculdade de Medicina de Uberaba


Década de 1950

Foto: Autoria desconhecida

O prédio que hoje abriga a UFTM (Universidade Federal do Triângulo Mineiro), foi construído no começo do século XX e serviu inicialmente para abrigar a Penitenciária de Uberaba. Sua planta foi assinada pelo arquiteto Luigi Dorça.
No ano de 1954, passou a ser ocupada pela Faculdade de Medicina de Uberaba. A federalização da Faculdade ocorreu no dia 18 de outubro de 1960, pela Lei n.º 9856, assinada pelo Presidente da República, Juscelino Kubitschek, acompanhado do Deputado Federal, Mário de Assunção Palmério.
Em 2005, o complexo educacional, conhecido como FMTM (Faculdade de Medicina do Triângulo Mineiro), ampliou-se, transformando-se, na Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM).

 Arquivo Público de Uberaba

sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

ALMOÇO REALIZADO NA CHÁCARA DO SR. MÁRIO DE ALMEIDA FRANCO, EM HOMENAGEM A VISITA DO PRESIDENTE GETÚLIO VARGAS

Getúlio Vargas e autoridades na chácara do Sr. Mário de Almeida Franco


Almoço realizado na chácara do Sr. Mário de Almeida Franco, em homenagem a visita do presidente Getúlio Vargas a XVIII Exposição de Feira Agropecuária. Sentados da esq. para dir.: Carlos Smith (presidente da Sociedade Rural do Triângulo Mineiro), presidente Getúlio Vargas, governador de Minas Gerais Juscelino Kubitschek, Ministro da Justiça Negrão de Lima e o prefeito de Uberaba Antônio Próspero.
Ano: 1951
Foto: Autoria desconhecida
Fonte: Universidade de Uberaba (Uniube)

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

ESCOLA ESTADUAL CASTELO BRANCO - UBERABA


EM 1881 FOI CRIADA EM UBERABA A PRIMEIRA ESCOLA NORMAL OFICIAL QUE TINHA O INTUITO DE PREPARAR OS ALUNOS PARA O CARGO DE PROFESSOR. DEVIDO A MUDANÇAS NO REGIME NACIONAL, A ESCOLA PASSOU POR GRANDES DIFICULDADES ATÉ A DÉCADA DE 40. APESAR DAS TRANSFORMAÇÕES E INTERRUPÇÕES, OS ESFORÇOS DA POPULAÇÃO PARA A SUA REABERTURA ERAM GRANDES. E EM 1948 ACONTECEU A REINAUGURAÇÃO DA ESCOLA NA RUA CORONEL MANOEL BORGES. SEU CRESCIMENTO FOI INSTANTÂNEO E O PEQUENO PRÉDIO NÃO SUPORTAVA MAIS A QUANTIDADE DE JOVENS, ENTÃO NA DÉCADA DE 50 O DIRETOR, MAIS UM GRUPO DE ALUNOS SE REUNIRAM COM O GOVERNADOR PARA PEDIR UMA NOVA SEDE A ESCOLA, NA OCASIÃO JUSCELINO KUBITSCHEK E O AMIGO OSCAR NIEMEYER DOOU UM PROJETO PARA A CONSTRUÇÃO DE UM NOVO PRÉDIO, ESTE FOI SE CONCLUIR 10 ANOS DEPOIS. A ESCOLA PASSOU ENTÃO A FUNCIONAR ONDE É ATÉ OS DIAS ATUAIS, NA RUA PADRE LEANDRO NO ALTO ESTADOS UNIDOS, ASSIM QUE MUDOU DE SEDE A ESCOLA PASSOU A SE CHAMAR ESCOLA NORMAL PROFESSOR LEÔNCIO FERREIRA DO AMARAL, DIRETOR DA ESCOLA NA ÉPOCA. PORÉM, APÓS O GOLPE QUE DEU ORIGEM A DITADURA MILITAR A ESCOLA PASSOU POR ALGUMAS MUDANÇAS DENTRE ELAS O SEU NOME, AGORA PASSA A SE CHAMAR ESCOLA ESTADUAL MARECHAL HUMBERTO DE ALENCAR CASTELO BRANCO, QUE FOI O PRIMEIRO PRESIDENTE DESSE PERÍODO. UMA DE SUAS PROPOSTAS ERA BARRAR O COMUNISMO COM A INTENÇÃO DE RECUPERAR A NOTABILIDADE INTERNACIONAL DO PAÍS. PORÉM O SEU MANDATO FOI O INICIO DE UMA DITADURA QUE UTILIZAVA PRÁTICAS DE TORTURAS DENTRE OUTRAS PARA ELIMINAR OPOSITORES E GRUPOS POLÍTICOS. CASTELO BRANCO MORREU EM 18 DE JULHO, EM UM ACIDENTE ENTRE O AVIÃO DO EXÉRCITO E O DA FORÇA AÉREA BRASILEIRA.